16 de junho de 2013

Vagas abertas para o II Curso de Comunicação Comunitária do O Cidadão

Em busca de uma comunicação democrática e que tenha o povo como protagonista, a equipe do Jornal O Cidadão vai realizar o seu II Curso de Comunicação Comunitária. As inscrições começaram no domingo, dia 16 de junho e vai até o dia 20 de julho. Serão 25 vagas e é gratuito!

Este II Curso de Comunicação Comunitária do O Cidadão terá início em agosto, com duração de três meses e as aulas serão realizadas no Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (Ceasm), Morro do Timbau. Algumas aulas serão também na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Jornal O Cidadão da Maré

O Jornal Cidadão é um projeto do Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (Ceasm). 'O Cidadão' nasceu há 14 anos como um instrumento de comunicação comunitária para todas as 16 favelas que formam o Conjunto de Favelas da Maré, toda a sua distribuição é gratuita. Uma das suas principais atuações é no fortalecimento da identidade local. O termo mareense foi 'inventado' pelo jornal na ideia de fazer com que os moradores se sentissem parte da favela. A valorização da cultura local é outro objetivo do impresso. Ele conta com 24 páginas coloridas e 20 mil exemplares por mês. E esta é uma parceria feita entre a Editora Ediouro e o Ceasm. Há quatro anos 'O Cidadão' mudou a sua linha editorial para a defesa e garantia dos Direitos Humanos.

Veja a programação do curso no cartaz abaixo:
Serviço:
Inscrições: De 16 de junho - 20 de julho de 2013
Local de inscrição: Centro de Estudos e Ações Solidárias da Maré (Ceasm). 
Endereço: Praça dos Caetés, número 7, Morro do Timbau, Favela da Maré.
Contatos: 2561-4604
Início das aulas: 03 de agosto de 2013
Horário das aulas: Sábados, das 10h às 16h. 
Vagas: 25

8 comentários:

  1. QUAIS OS PRÉ REQUSITOS NECESSÁRIOS PARA PARTICIPAR DO CURSO???

    ATENCIOSAMENTE,

    BRUNO

    ResponderExcluir
  2. massa! quando vcs vem compartilhar com a gente em Fortaleza? serio! gostaria demais poder participar! da pra fazer um a distancia? abração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Byron, infelizmente ainda não temos essa possibilidade. Quem sabe no futuro?

      Excluir